BRAZIL


GERAÇÃO DE BIOENERGIA

ESTUDOS DE CASO

STORA ENSO

Como qualquer outra fábrica de celulose química moderna, a fábrica de celulose da Veracel gera um excedente de energia elétrica decorrente da biomassa de madeira. A Veracel, joint venture da Stora Enso e da Fibria, no sul da Bahia, recebe matéria-prima renovável a partir de suas plantações de eucaliptos rápido crescimento, que ficam próximas à fábrica.

Mais precisamente, a principal fonte de energia da bioeletricidade da fábrica de celulose vem de uma matéria orgânica chamada licor negro, um subproduto do processo de fabricação de celulose. O licor negro é composto por água, produtos químicos de cozimento de celulose e matéria orgânica derivada de madeira. Os produtos químicos de cozimento de celulose são separados e reutilizados, enquanto a matéria orgânica é queimada em caldeiras da fábrica para acionar as turbinas e gerar eletricidade. A Veracel também usa lascas de madeira para gerar eletricidade. O licor negro abastece cerca de 95% da bioeletricidade e da Veracel e as lascas de madeira cerca de 5%. Leia mais.

Palavras-chave:

Bioenergia / Restauração


 MAIS FOTOS

Aprendendo com o mundo real

O manejo responsável de plantações trouxe benefícios reais para as pessoas e a natureza. Estes estudos de caso demonstram como. 

Termo de responsabilidade: Embora a plataforma NGP reconheça os progressos no manejo de plantações apresentados nos estudos de caso, ela também reconhece que nem todos os aspectos do NGP são necessariamente utilizados nos exemplos. Para uma visão geral a respeito das práticas de manejo de plantações dos participantes, leia aqui.