ÁFRICA DO SUL


DAS REIVINDICAÇÕES DE TERRAS AO DESENVOLVIMENTO DO NEGÓCIO

ESTUDOS DE CASO

MONDI

Quase a metade das terras que a Mondi possui na África do Sul – 125.061 hectares – é reivindicada pelas comunidades locais. Essas reivindicações de terra resultam de um complexo legado de reflorestamento liderado pelo Estado e das remoções forçadas dos povos indígenas, iniciadas em 1913. Em 1994, o governo sul-africano aprovou a Lei de Restituição de Terras, que dá às pessoas o direito de reclamar a devolução de suas terras. A restituição assume a forma de restauração das terras, terras alternativas em que a restauração das terras não é viável e da compensação financeira, ou uma combinação dos três. 

Como uma grande proprietária de terras, a Mondi enfrentou 82 reclamações. A empresa está empenhada em desempenhar um papel positivo para atingir as metas da reforma agrária para o país e para a indústria florestal. A empresa desenvolveu um modelo de grande sucesso para se envolver e resolver questões com as comunidades reclamantes, bem como ajudá-las a desenvolver empresas florestais sustentáveis. Isso significa que as comunidades geram uma renda das terras que possuem, enquanto a Mondi mantém a sua oferta de madeira.

A Mondi assinou um acordo com o governo afirmando que todas as reclamações referentes às terras da Mondi serão resolvidas antes do final do exercício de 2014. Pelo acordo, a Mondi vai atuar como um parceira estratégica com os seus beneficiários reclamantes. Leia mais.

Palavras-chave:

Comunidades locais / Trabalhos


 MAIS FOTOS

Aprendendo com o mundo real

O manejo responsável de plantações trouxe benefícios reais para as pessoas e a natureza. Estes estudos de caso demonstram como. 

Termo de responsabilidade: Embora a plataforma NGP reconheça os progressos no manejo de plantações apresentados nos estudos de caso, ela também reconhece que nem todos os aspectos do NGP são necessariamente utilizados nos exemplos. Para uma visão geral a respeito das práticas de manejo de plantações dos participantes, leia aqui.